FILMES CRÍTICAS NOTÍCIAS PERFIS TRILHAS TOPS PREMIAÇÕES ARTIGOS COMENTÁRIOS FÓRUNS   SÉRIES PUBLICIDADE
CENTRAL DE USUÁRIOS   |    CADASTRE-SE   |   ENTRAR
   
FILMES
CRÍTICAS
NOTÍCIAS
PERFIS
TRILHAS
TOPS
PREMIAÇÕES
ARTIGOS
COMENTÁRIOS
FÓRUNS

SÉRIES
CADASTRE-SE   |   ENTRAR
ARTIGO

Sessão Anos 80 – Volume 3

Categoria: Geral
Por Heitor Romero
A chegada de uma das coleções mais aguardadas no mercado de home-vídeo.

Das coleções que vêm sendo mais comentadas nas redes sociais dos últimos tempos e se mostrando grande sucesso de vendas, Sessão Anos 80 ganha seu terceiro volume em menos de 6 meses, acertando bem mais na seleção do que a edição anterior. O fascínio que os filmes americanos jovens dessa época ainda exerce sobre o público é uma mina de ouro a ser muito explorada. Se nem sempre os títulos impressionam por seus valores com cinema ou no cânone acadêmico, como tantas outras coleções do mercado procuram buscar, o valor sentimental de cada um deles compensa qualquer deslize. 
No terceiro volume as comédias dominam, desde as juvenis Namorada de Aluguel (Can’t Buy Me Love, 1987), A Inocência do Primeiro Amor (Lucas, 1986) e Atração Mortal (Heathers, 1988) até Ela é o Diabo (She-Devil, 1989), um filme esquecido dentro da filmografia de títulos nobres da atriz Meryl Streep. O mais interessante nessa seleção não é apenas a prevalência do humor, mas principalmente o status que cada um desses títulos alcançou ao longo dos anos, tendo em comum apenas o carinho instantâneo que são capazes de evocar.

O disco 1 conta com Namorada e Aluguel e A Inocência do Primeiro Amor. O primeiro é certamente o filme mais sessão da tarde de toda a seleção, e o primeiro trabalho de destaque do astro Patrick Dempsey, que a partir dali trilharia um caminho de galã em ascensão até chegar ao topo como o famoso neurocirurgião Derek Shepherd na adorada série médica Grey’s Anatomy (2005). Dempsey vive aqui o papel mais típico do cinema adolescente americano, do jovem deslocado e tímido que se apaixona pela garota mais bonita e popular do colégio - um plot que nunca descansa e até hoje é reciclado e faz sucesso em hits como a recente sensação da Netflix, Para Todos os Garotos que Já Amei (To All the Boys I’ve Loved Before, 2018). Papel parecido vive Corey Haim, outro galãzinho da época, em A Inocência do Primeiro Amor, o segundo filme do disco 1. Diferente do filme anterior, no entanto, esse preza por uma abordagem mais intimista e melancólica do personagem principal, e hoje é pouco lembrado pelo grande público, evocando mais as tragédias de seus bastidores, reveladas décadas depois e envolvendo abusos sexuais que mais tarde levariam Corey Haim a uma jornada de depressão e autodestruição, que culminaria na lamentável morte precoce do ator. 

O segundo disco traz o melhor título desse volume: Atração Mortal, um cult dos american high school movies e seus eternos tipos hierárquicos na cadeia alimentar de sobrevivência dos anos escolares. Winona Ryder interpreta uma garota que se vê obrigada a aturar as maldades das meninas mais populares da escola – todas chamadas Heather – a fim de entrar para o grupo seleto de “queen bees”. Além dela, Christian Slater e Shannen Doherthy (a eterna Brenda Walsh da série Barrados no Baile) participam em papéis centrais nessa comédia ácida que questiona as hipocrisias das relações sociais que se iniciam ainda na fase escolar, tratando de temas pesados como o bullying e o suicídio juvenil. Sem muitos freios, o filme lançou uma espécie de tradição que foi seguida nas décadas seguintes por clássicos instantâneos do segmento, como As Patricinhas de Beverly Hills (Clueless, 1995), Eleição (Election, 1999) e Meninas Malvadas (Mean Girls, 2004). Vale conferir nos extras um especial de 5 minutos sobre a influência dessa comédia. 

Ela é o Diabo fecha a coleção como único título não adolescente do pacote, que vale mais pela curiosidade de ver Meryl Streep em uma comédia cafona, dessas que só fazem sentido por pertencerem a esse estranho universo do cinema americano dos anos 80, com direito a todas as suas heresias inclusas em uma trama de vingança feminina. Nos extras há um por trás das cenas do filme de 9 minutos.  Vale lembrar que todos os títulos vêm em edições remasterizadas e acompanhados dos já tradicionais cards com a arte dos pôsteres originais. Para uma noite nostálgica de túnel do tempo, não há coleção recente melhor no mercado de home vídeo brasileiro. 
Por Heitor Romero, em 12/09/2018
Comente no Cineplayers (1)
Por Kadu Mendez, em 14/09/2018 | 17:35:51 h
O topo da carreira de Patrick Dempsey não existiu na verdade. Talvez tenha sido os anos 80 com essas comédias colegiais ( como esta "Can Buy Me Love" que me divertiu na infância pra caralho).Se o topo da carreira é ser um galã de soap opera onde médicos fazem sexo num hospital, então ele não teve topo nenhum, com indicação ou sem indicação para aquela piada que é o Globo de Ouro.
Quando eu converso com cinéfilos que viveram os anos 80 como adultos, não existia cinema freak dos anos 80; "Ela é o Diabo" já era ruim na época mas graças ao status cult que veio com o home-vídeo esses filmes ruins ficam como "freaks dos anos 80".Alguns são ruins mas nos agradam devido à nostalgia mas sempre foram considerados trash. Agora, "Heathers" eu não acho muito bom não; mas pra mim o filme é do Slater, a interpretação dele neste filme é brilhante.
Comente no Facebook
Todas as informações aqui contidas são propriedades de seus respectivos produtores. Sugestões? Reclamações? Elogios? Faça valer sua opinião, escreva-nos!
 CINEPLAYERS CAST
CP Cast
• #45 60 anos de Tim Burton
• #44 Meu Amigo Totoro
• #43 Missão: Impossível - Efeito Fallout
• #42 Filmes da Sessão da Tarde
• #41 Batman: O Cavaleiro das Trevas
• #40 100 anos de Ingmar Bergman
• #39 Os Incríveis 2
• #38 Era Uma Vez no Oeste
• #37 Jurassic Park e Jurassic World
• #36 O Bebê de Rosemary
• #35 A Noite dos Mortos-Vivos e Despertar dos Mortos
• #34 Han Solo: Uma História Star Wars
• #33 Deadpool 2
• #32 Um Corpo que Cai
• #31 Stephen King no Cinema
• #30 Vingadores: Guerra Infinita
• #29 A Franquia 007
• #28 Um Lugar Silencioso
• #27 2001: Uma Odisseia no Espaço
• #26 Jogador Nº1
• #25 Planeta dos Macacos
• #24 Quentin Tarantino
• #23 75 anos de David Cronenberg
• #22 Projeto Flórida
• #21 Trama Fantasma
• #20 Três Anúncios Para um Crime e Lady Bird
• #19 Oito e Meio de Fellini
• #18 A Forma da Água
• #17 The Post e os filmes de Jornalismo
• #16 Indicados ao Oscar 2018!
• #15 20 Anos de Titanic
• #14 Nostalgia Cinéfila - Especial 15 Anos!
• #13 Melhores de 2017
• #12 Star Wars: Episódio VIII - Os Últimos Jedi
• #11 Especial Natalino
• #10 Assassinato no Expresso Oriente
• #9 Onde os Fracos Não Têm Vez
• #8 Liga da Justiça
• #7 Stranger Things
• #6 45 anos de O Poderoso Chefão
• #5 Branca de Neve e os Sete Anões
• #4 Halloween
• #3 Blade Runner / Blade Runner 2049
• #2 De Volta Para o Futuro
• #1 Os Goonies
• #0 O Piloto
 LEIA TAMBÉM
 FILMES RELACIONADOS
• A Inocência do Primeiro Amor
• As Patricinhas de Beverly Hills
• Atração Mortal
• Ela é o Diabo
• Eleição
• Meninas Malvadas
• Namorada de Aluguel
• Para Todos os Garotos que Já Amei
CINEPLAYERS LTDA. (2003 - 2018) - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

CENTRAL DE USUÁRIOS
FILMES
CRÍTICAS
NOTÍCIAS
PERFIS
TRILHAS SONORAS
HOME CINEMA
TOPS
COMENTÁRIOS
ARTIGOS
PREMIAÇÕES
JOGOS
FÓRUNS
PAPÉIS DE PAREDE
MAIS ASSISTIDOS
EQUIPE
NOSSA HISTÓRIA
CONTATO
PERGUNTAS FREQUENTES
PROMOÇÕES
ESTATÍSTICAS
ESPECIAL A NOVA HOLLYWOOD
ESPECIAL WES CRAVEN
CHAT
MAPA DO SITE
API CINEPLAYERS
ANUNCIE CONOSCO
         
CINEPLAYERS LTDA. (2003 - 2018)

           
 USUÁRIOS
 + ASSISTIDOS
 EQUIPE
 HISTÓRIA
CONTATO
FAQ
PROMOÇÕES
ESTATÍSTICAS
WES CRAVEN
MAPA DO SITE
API
ANUNCIE