FILMES CRÍTICAS NOTÍCIAS PERFIS TRILHAS TOPS PREMIAÇÕES ARTIGOS COMENTÁRIOS FÓRUNS   SÉRIES PUBLICIDADE
CENTRAL DE USUÁRIOS   |    CADASTRE-SE   |   ENTRAR
   
FILMES
CRÍTICAS
NOTÍCIAS
PERFIS
TRILHAS
TOPS
PREMIAÇÕES
ARTIGOS
COMENTÁRIOS
FÓRUNS

SÉRIES
CADASTRE-SE   |   ENTRAR
COMENTÁRIO

Quanto Mais Quente Melhor

(Some Like It Hot, 1959)
Por Pedro Degobbi Avaliação:                     10.0
Este comentário é recomendado pela equipe Cineplayers.

Este comentário revela detalhes da história do filme.

Uma comédia atemporal!

Sem dúvidas, Billy Wilder foi um dos diretores mais importantes da história do cinema, tendo em seu currículo obras icônicas como Crepúsculo dos Deuses, A Montanha dos Sete Abutres e Pacto de Sangue, por exemplo. Mas a grande verdade é que seu coração pertencia à comédia. Tinha o dom de escrever roteiros divertidíssimos juntamente com seu parceiro I.A.L. Diamond, e é possível que em Quanto Mais Quente Melhor seja o ápice de sua genialidade.

O trio principal do filme, composto por Marilyn Monroe, Tony Curtis e Jack Lemmon, funciona em perfeita sincronia. A trama se passa no final dos anos 20 e consta com uma dupla de músicos um tanto quanto... Inusitados? Joe/Josephine (interpretado por Curtis) e Jerry/Daphne (Lemmon) estavam no lugar errado, na hora errada, e acabam presenciando um terrível massacre. Os gângsters percebem a presença dos dois e agora é preciso que eles fujam para salvarem suas próprias vidas.

A saída achada pelos músicos é simples: ingressar em uma banda que estava viajando com destino à Miami e, assim, encontrariam-se livres dos criminosos... O problema é que para fazer parte da banda, era obrigatório que todos os integrantes fossem mulheres. Não resta outra opção: terão que assumir uma nova identidade, e desta vez, feminina. E é aí que está todo o desenrolar do filme, a partir de uma premissa tão simples e atrapalhada.

A história é toda repleta de sequências cômicas e divertidas, desde a cena inicial até a frase inesquecível que conclui o filme. Wilder acertou em cheio nas apresentações musicais e na sensualidade de Monroe; além de mesclar muito bem a relação impossível entre Daphne e o milionário cegamente apaixonado Osgood Fielding (Joe E. Brown). Sobre a "relação" entre os dois, o mais irônico e engraçado chega a ser a empolgação de Jerry quando Osgood começa a presenteá-lo e logo em seguida pede sua mão em casamento. Ele inclusive cogita a proposta, ignorando totalmente o fato de que também era um homem - e o melhor de tudo é que é feito na maior "inocência" dos anos 50.

Honestamente, Quanto Mais Quente Melhor é um trabalho que eleva o meu humor até ao máximo, independente de quantas vezes eu assista. É um filme tão doce e apaixonante que acaba deixando um sorriso no meu rosto durante os 120 minutos. E são poucos filmes que conseguem mexer comigo dessa forma (alguns outros exemplos são 3 Idiotas, 2009; Essa Pequena é uma Parada, 1972 e Jejum de Amor, 1940).

Uma das obras mais significativas para o gênero Comédia/Romance e que influenciaram diversos outros filmes posteriormente. Com um roteiro leve e para todos, Wilder e Diamond entregam um conjunto memorável para os amantes da sétima arte.

Sintetizando: um filme com direção ímpar, roteiro competentíssimo e uma junção de cenas e diálogos inesquecíveis que encanta até mesmo os mais exigentes (além do grande elenco principal e de apoio, é claro, que contribuíram imensamente para que o resultado final fosse assim: perfeito).

Para finalizar minha breve homenagem em forma de texto a um de meus diretores favoritos, deixo uma frase que compõe um dos finais mais marcantes que já pude conferir: "Well, nobody's perfect."

Por Pedro Degobbi, em 23/11/2016 Avaliação:                     10.0
Notas - Equipe
• Alexandre Koball 8.0
• Daniel Dalpizzolo 9.0
• Rodrigo Cunha 9.0
• Régis Trigo 9.0
• Silvio Pilau 9.0
• Vlademir Lazo 9.0
• Heitor Romero 10.0
• Marcelo Leme 8.0
• Bernardo D.I. Brum 9.0
• Léo Félix 9.0
•  Média (Top Editores #39) 8.9
Notas - Usuários
8.7/10 (604 votos)
Top Usuários #35
Minha nota:
0.5 1.0 1.5 2.0 2.5 3.0 3.5 4.0 4.5 5.0 5.5 6.0 6.5 7.0 7.5 8.0 8.5 9.0 9.5 10.0
    --
• Todas as opiniões 
Comente no Cineplayers (2)
Por Pedro Degobbi, em 29/11/2016 | 01:03:49 h
Obrigado, Marcelo.

Prezo pela simplicidade e pela objetividade em meus comentários (esqueço MUITA coisa dos filmes que assisto, inclusive aqueles que gosto bastante). Não tenho muita memória e conteúdo para escrever textos detalhados - mas quem sabe um dia.

Novamente, agradeço o comentário (tão simples e direto quanto meu texto)
Por Marcelo Cardoso Queiroz, em 28/11/2016 | 14:46:38 h
Bom texto, simples e direto.
Comente no Facebook
Cineplayers não se responsabiliza pelo conteúdo deste comentário. Ajude-nos a manter a integridade do conteúdo. Se você tiver provas de cópia ou plágio do texto, entre em contato conosco, denunciando (passe o link do material original).
 CINEPLAYERS CAST
CP Cast
• #35 A Noite dos Mortos-Vivos e Despertar dos Mortos
• #34 Han Solo: Uma História Star Wars
• #33 Deadpool 2
• #32 Um Corpo que Cai
• #31 Stephen King no Cinema
• #30 Vingadores: Guerra Infinita
• #29 A Franquia 007
• #28 Um Lugar Silencioso
• #27 2001: Uma Odisseia no Espaço
• #26 Jogador Nº1
• #25 Planeta dos Macacos
• #24 Quentin Tarantino
• #23 75 anos de David Cronenberg
• #22 Projeto Flórida
• #21 Trama Fantasma
• #20 Três Anúncios Para um Crime e Lady Bird
• #19 Oito e Meio de Fellini
• #18 A Forma da Água
• #17 The Post e os filmes de Jornalismo
• #16 Indicados ao Oscar 2018!
• #15 20 Anos de Titanic
• #14 Nostalgia Cinéfila - Especial 15 Anos!
• #13 Melhores de 2017
• #12 Star Wars: Episódio VIII - Os Últimos Jedi
• #11 Especial Natalino
• #10 Assassinato no Expresso Oriente
• #9 Onde os Fracos Não Têm Vez
• #8 Liga da Justiça
• #7 Stranger Things
• #6 45 anos de O Poderoso Chefão
• #5 Branca de Neve e os Sete Anões
• #4 Halloween
• #3 Blade Runner / Blade Runner 2049
• #2 De Volta Para o Futuro
• #1 Os Goonies
• #0 O Piloto
 LEIA TAMBÉM
 FICHA DO FILME

 Quanto Mais Quente Melhor
(Some Like It Hot, 1959)
 MAIS COMENTÁRIOS
• Comentários deste filme
« anterior » todos (15) « próximo »
• Outros comentários
• Frances Ha (2012), por Bersilionin Gonçalves Costa Junior
• Good Time Max (2007), por Bersilionin Gonçalves Costa Junior
• Rios Vermelhos 2 - Anjos do Apocalipse (2004), por Matheus Darswik
• Rios Vermelhos (2000), por Matheus Darswik
• Anomalisa (2015), por Bersilionin Gonçalves Costa Junior
CINEPLAYERS LTDA. (2003 - 2018) - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

CENTRAL DE USUÁRIOS
FILMES
CRÍTICAS
NOTÍCIAS
PERFIS
TRILHAS SONORAS
HOME CINEMA
TOPS
COMENTÁRIOS
ARTIGOS
PREMIAÇÕES
JOGOS
FÓRUNS
PAPÉIS DE PAREDE
MAIS ASSISTIDOS
EQUIPE
NOSSA HISTÓRIA
CONTATO
PERGUNTAS FREQUENTES
PROMOÇÕES
ESTATÍSTICAS
ESPECIAL A NOVA HOLLYWOOD
ESPECIAL WES CRAVEN
CHAT
MAPA DO SITE
API CINEPLAYERS
ANUNCIE CONOSCO
         
CINEPLAYERS LTDA. (2003 - 2018)

           
 USUÁRIOS
 + ASSISTIDOS
 EQUIPE
 HISTÓRIA
CONTATO
FAQ
PROMOÇÕES
ESTATÍSTICAS
WES CRAVEN
MAPA DO SITE
API
ANUNCIE