FILMES CRÍTICAS NOTÍCIAS PERFIS TRILHAS TOPS PREMIAÇÕES ARTIGOS COMENTÁRIOS FÓRUNS   SÉRIES PUBLICIDADE
CENTRAL DE USUÁRIOS   |    CADASTRE-SE   |   ENTRAR
   
FILMES
CRÍTICAS
NOTÍCIAS
PERFIS
TRILHAS
TOPS
PREMIAÇÕES
ARTIGOS
COMENTÁRIOS
FÓRUNS

SÉRIES
CADASTRE-SE   |   ENTRAR
COMENTÁRIO

Um Reino Unido

(United Kingdom, A, 2016)
Por Cleber Eldridge Avaliação:             6.0
Este comentário é recomendado pela equipe Cineplayers.

O drama que marcou o retorno da diretora Amma Asante ao cinema, conta uma história clássica, talvez mais um no meio de muitos filmes que abordaram o tema em 2016, a questão inter-racial. O ano é 1940, a cidade é Londres, lá Ruth Williams é uma tradicional garota inglesa, trabalha como datilografa e gosta de sair para dançar nas noites, em uma noite qualquer ela se depara com um homem que lhe chama atenção, Seretse Khama ele é afro e ela ainda não faz ideia mas, ele é herdeiro do reino de Botswana, um país na África que esta tomando suas formas, o que acontece com eles? Se apaixonam, é claro, o filme não mostra absolutamente nada que já não tenhamos visto em inúmeros outros filmes.

O lugar e a década eram tomadas por preconceitos raciais, sociais e mais uma porção de coisas, o mundo estava saindo da guerra e logo surgiria o Apartheid, o surgimento do movimento só deixou a relação de ambos ainda mais complicada já que, na época o casamento inter-racial era contra lei, como se isso não fosse suficiente a família de ambos não aprovam o casamento e ai começa a trama novelesca, por todos os lados alguém tenta separar o casal, quando já sabemos que terminaram juntos. O contraste que a diretora coloca na tela é interessante, na Londres da década de 40 o clima é cinzento, no outro continente o clima quente é cheio de cores vivas, o filme mostra muito do que estamos vivendo ainda nos dias atuais, a luta para tornar a sociedade livre, democrática e igual, enquanto outros lutavam para que o preconceito e a superioridade racial e social se mantivessem inalteradas, pouco se mudou no mundo em décadas, o preconceito racial infelizmente ainda é muito grande, o próprio cinema de 2016 mostrou isso como nunca antes.

O maior problema do filme é não sair da comodidade de tantos outros, a abordagem é a mesma de sempre, não existe um diferencial, ainda que tecnicamente o filme tenha suas qualidades - algumas cenas foram filmadas no mesmo local onde a história se passa de fato - da até uma sensação de proximidade, o que não é suficiente, o casal de protagonistas também está ótimo, um filme que tem o amor como tema, a luta de um grupo de pessoas não decola, simplesmente porque o roteiro não se permite, longe de ser ruim, longe de ser memorável, bem cuidado, bom filme nada mais do que isso.

Por Cleber Eldridge, em 15/07/2017 Avaliação:             6.0
Notas - Equipe
•  Média -
Notas - Usuários
aguardando 3 votos
Minha nota:
0.5 1.0 1.5 2.0 2.5 3.0 3.5 4.0 4.5 5.0 5.5 6.0 6.5 7.0 7.5 8.0 8.5 9.0 9.5 10.0
    --
Comente no Cineplayers (0)
Não há opiniões dos usuários.
Comente no Facebook
Cineplayers não se responsabiliza pelo conteúdo deste comentário. Ajude-nos a manter a integridade do conteúdo. Se você tiver provas de cópia ou plágio do texto, entre em contato conosco, denunciando (passe o link do material original).
CINEPLAYERS LTDA. (2003 - 2017) - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

CENTRAL DE USUÁRIOS
FILMES
CRÍTICAS
NOTÍCIAS
PERFIS
TRILHAS SONORAS
HOME CINEMA
TOPS
COMENTÁRIOS
ARTIGOS
PREMIAÇÕES
JOGOS
FÓRUNS
PAPÉIS DE PAREDE
MAIS ASSISTIDOS
EQUIPE
NOSSA HISTÓRIA
CONTATO
PERGUNTAS FREQUENTES
PROMOÇÕES
ESTATÍSTICAS
ESPECIAL A NOVA HOLLYWOOD
ESPECIAL WES CRAVEN
CHAT
MAPA DO SITE
API CINEPLAYERS
ANUNCIE CONOSCO
         
CINEPLAYERS LTDA. (2003 - 2017)

           
 USUÁRIOS
 + ASSISTIDOS
 EQUIPE
 HISTÓRIA
CONTATO
FAQ
PROMOÇÕES
ESTATÍSTICAS
WES CRAVEN
MAPA DO SITE
API
ANUNCIE