FILMES CRÍTICAS NOTÍCIAS PERFIS TRILHAS TOPS PREMIAÇÕES ARTIGOS COMENTÁRIOS FÓRUNS   SÉRIES PUBLICIDADE
CENTRAL DE USUÁRIOS   |    CADASTRE-SE   |   ENTRAR
   
FILMES
CRÍTICAS
NOTÍCIAS
PERFIS
TRILHAS
TOPS
PREMIAÇÕES
ARTIGOS
COMENTÁRIOS
FÓRUNS

SÉRIES
CADASTRE-SE   |   ENTRAR
CRÍTICA

Fervura Máxima

(Lat sau san taam, 1992)
Por Bernardo D.I. Brum Avaliação:                   9.0
O balé da violência.
imagem de Fervura Máxima
Hard-boiled. Termo originário da culinária, que designava o processo de cozinhar os ovos até deixá-los mais duros e que lá pela década de 1920 passou a designar um certo tipo de protagonista da ficção policial - um detetive ou policial anti-heróico moldado pela violência, de caráter cínico e amoral. Sem as mesmas ilusões patrióticas do honrado caubói de faroeste, o protagonista hard-boiled testemunhou uma violência tão crescente - proveniente da Lei Seca e o crescimento das organizações mafiosas - que a analogia faz sentido; cozidos pelo caldeirão urbano decadente e ameaçador, são a epítome do detetive durão, que não tem medo de descer ao nível dos criminosos que enfrenta. É, por assim dizer, um mito do século vinte: a figura facilmente reconhecível destinada a enfrentar uma jornada simbólica, cujas escolhas representam de maneira alegórica o espírito de sua época, seja afirmando ou contestando tais valores.

Filmando desde o final dos anos 60, o cineasta John Woo vinha alcançando notoriedade desde o sucesso do filme Alvo Duplo, em 1986. A história elencava policiais e criminosos integrantes da máfia chinesa, a Tríade, como personagens principais de uma montanha-russa emocional, com os conflitos frequentemente envolvendo honra, amizade e a busca por desejos e fantasias quase inalcançáveis. Seu estilo de misé-en-scene era a sensação do momento: herdeiro da ação setentista, Woo deu a sua versão pessoal para o estilo de filmes americanos e europeus como Meu Ódio Será Sua Herança e Assalto ao Trem Blindado e elevou ao máximo o uso de movimentos frenéticos de câmera, cortes rápidos, planos-sequência e câmera lenta, com a ação irrefreável moldando e transformando seus personagens de maneira irreversível.

Em 1992, Woo lançou o fenômeno Fervura Máxima, e sua consagração no mainstream ocidental abriu as portas no mundo todo para os filmes de ação orientais, com sua abordagem inovadora causando tremendo impacto no cinema ocidental, inspirando de cópias a remakes. Enfim, dá para dizer que por algum tempo Woo foi o grande ícone da ação oriental, despertando um interesse que não era visto desde o boom dos filmes de artes marciais.

Fervura Máxima, no original, foi batizado como Hard-Boiled. O título certamente chamou a atenção. O conceito antes apenas comentado e resenhado em obras como O Falcão Maltês e A Dama do Lago agora vinha explícito no título. E o policial Tequila, interpretado por Chow Yun-Fat em sua quinta parceria com Woo, repete basicamente todos os clichês de Marlowe e Spade, é verdade, ainda que em um nível muito mais intenso: mordendo caricaturalmente um palito de dentes em todas as cenas, iniciando tiroteios contra verdadeiros batalhões de homens praticamente sozinho, tentando de maneira suicida espantar o fantasma de ter perdido seu parceiro no tiroteio da casa de chá que abre o filme. Com problemas conjugais e lidando com as ameaça de seu superior devido à sua personalidade inconsequente e independente.

Tequila só encontra uma espécie de espelho e de figura empática quando é introduzido o personagem Alan, um policial infiltrado na Tríade que vive uma vida solitária que o destroça emocionalmente, executando quem não quer para manter o disfarce, só encontrando alguma espécie de exorcismo espiritual fazendo um origami de ave para cada pessoa que matou. A sua relação com Tequila explora limites o tempo todo: começa com ameaças mútuas e impasses mexicanos, evolui para companheirismo, se desenrola em sacrifício. Ao final do filme, o policial que age às claras e o policial que age à escura, luz e sombra juntos, são absolutos cúmplices. No mundo filmado por John Woo, cumplicidade e o dever de honrar a mesma parecem nem sempre salvar mas sempre redimir. Pessoas do velho mundo, que se agarram a individualismo heróico e valores cultivados através das relações - e seus inimigos são precisamente o oposto.

Após a morte de um grande chefão tradicional da Tríade, que tratava Alan com respeito e amizade, a maior ameaça da trama se torna Wong, que para Woo é a encarnação do homem corrupto: um homem com poucas habilidades em combate, ao mesmo tempo fanfarrão e covarde, capaz de trair, faltar com a palavra, atirar pelas costas e até mesmo, como vemos no último ato do filme, ameaçar mandar pelos ares um hospital cheio de enfermos e recém-nascidos quando seu grande arsenal no porão é descoberto.

Isso choca mesmo alguns de seus comandados, como Mad Dog, um habilidoso assassino que ainda insiste em viver sob os códigos dos velhos bandidos. Mas como Woo parece comentar de maneira crítica, esse é um mundo novo onde pessoas com o mínimo de valor ou honra são tragadas por indivíduos que visam mais lucro, números e poder. O próprio figurino de Wong, um blazer amarelo extravagante, reflete isso tal como refletia o porte distinto e sóbrio de um Carlinto Brigante em O Pagamento Final de Brian de Palma (lançado um ano depois) contra a afetação degenerada de rivais como Benny Blanco. O criminoso do novo mundo não tem moral nenhuma, e não relaciona seu poder com responsabilidade ética alguma.

Um dos motivos que levaram Woo a escolher policiais para seu Fervura Máxima foram críticas por histórias anteriores (O Matador, Alvo Duplo) que supostamente tratava com glamour o mundo da máfia. Em Fervura Máxima Woo, afirmou querer fazer o seu próprio Perseguidor Implacável, um filme que exaltasse o mundo policial. Não que isso tenha mudado muito o coração do filme. 

O tiroteio na casa de chá, sequência que abre o filme, foi filmada de maneira totalmente improvisada, antes mesmo de a história ser escrita. Mas de cara já sabemos uma coisa: a violência neste momento ao mesmo tempo caracteriza o personagem de Tequila como hábil pistoleiro mas também o destrói, arrancando de sua vida seu parceiro de polícia e amigo íntimo. Curiosamente, uma das primeiras informações que o filme nos dá é que o policial protagonista também é músico de jazz amador, tocando sax em uma banda. Além de mero gosto estético de Woo, pode-se abstrair o mesmo do ritmo e de seu cinema: algo sempre estará mudando, mas a base sempre será a mesma. Acontecerão sequências improvisadas, longos solos (planos-sequência), introdução de ritmo e transformação do mesmo (a trama policial versus assassino transformada pela subtrama de infiltração na Tríade), mas no final, os personagens de Woo sempre serão indivíduos cuja única ferramenta para modificar o mundo é a ação constante, que os destruirá, os redimirá e de vez em quando até mesmo os elevará. 

Por isso, policial ou fora-da-lei, o herói de Woo existe para o campo de batalha cinematográfico. Nunca o recusa - a montanha de russa de emoções justifica sua própria existência, em um caso em que as balas falam mais que as palavras. Sequências como o longo plano sem cortes onde atiram, andam de elevador e voltam a iniciar um tiroteio, atestam isso. Tequila e Alan reduzem os diálogos ao mero instrumental, requisitando munição e sangue frio e, de resto, atiram, entram em cobertura, salvam um ao outro, eliminam assassinos e resgatam inocentes. Estão em frangalhos, desgastados, suando aos borbotões, mal se aguentando em pé - mas continuam. Porque creem que sua violência, suas balas, golpes e acrobacias, enquanto ferramenta, tem poder de transformação. 

É por isso que o Dirty Harry de John Woo pouco lembra o filme de Eastwood e Siegel. Lá em 1973, fazia-se um comentário brutal sobre a violência das grandes metrópoles, justificando um assassino irrefreável com um perseguidor implacável - para criminosos sem moral, um policial sem limites. Aqui, a dicotomia é entre cultivar valores e recusar os mesmos, responder à amoralidade com a crença no agir. A paixão pelo instinto do que seria o certo versus o escárnio com as quais as vidas são tratadas. São como são seus filmes; se pararem, morrem. E mesmo que estejam errados, ninguém é louco de tentar dissuadir.

Fervura Máxima é a epítome do cinema hard-boiled: Tequila faz o que outros apenas sonharam, vive um drama como nenhum deles viveu, conhecendo um mundo progressivamente mais perverso. O mainstream foi chacoalhado quando um dos maiores arquétipos do século 20 foi elevado a nível de hipérbole, ao nível do ridículo, onde o terreno familiar entrava em uma erupção atmosférica. Essa força avassaladora tem uma influência ainda sentida nos maiores exemplares do gênero dos últimos anos, tornando, portanto, os hard-boileds de Woo um dos sinônimos modernos do cinema de ação.

Fervura Máxima recebeu uma caprichada edição em DVD no Brasil, através da distribuidora Obras-Primas do Cinema, que lançou o filme no mercado no mês de fevereiro. A edição especial de colecionador conta com mais de uma hora de extras e entrevistas. Confira aqui mais informações e saiba onde adquirir o filme.
Por Bernardo D.I. Brum, em 07/03/2017
Avaliação:                   9.0
Notas - Equipe
• Daniel Dalpizzolo 8.0
• Régis Trigo 7.0
• Vlademir Lazo 7.5
• Heitor Romero 8.0
• Bernardo D.I. Brum 9.0
• Francisco Bandeira 8.5
•  Média 8.0
Notas - Usuários
7.9/10 (58 votos)
Minha nota:
0.5 1.0 1.5 2.0 2.5 3.0 3.5 4.0 4.5 5.0 5.5 6.0 6.5 7.0 7.5 8.0 8.5 9.0 9.5 10.0
    --
• Todas as opiniões 
Comente no Cineplayers (0)
Não há opiniões dos usuários.
Comente no Facebook
Todas as informações aqui contidas são propriedades de seus respectivos produtores. Sugestões? Reclamações? Elogios? Faça valer sua opinião, escreva-nos!
 CINEPLAYERS CAST
CP Cast
• #002 De Volta Para o Futuro
• #001 Os Goonies
• #000 O Piloto
 LEIA TAMBÉM
 FICHA DO FILME

 Fervura Máxima
(Lat sau san taam, 1992)
• Direção:
- John Woo
• Elenco Principal:
- Yun-Fat Chow
- Tony Chiu Wai Leung
- Teresa Mo
• Sinopse: Em Hong Kong, Yuen (Chow Yun-Fat), um inspetor de polícia que é normalmente conhecido como Tequila, fica transtornado quando seu parceiro morre em um tiroteio com gângsters em uma casa de chá. Tequila então se une a Alan, um assassino profissional, p...
 FILMES RELACIONADOS
• A Dama do Lago
• Alvo Duplo
• Assalto ao Trem Blindado
• Meu Ódio Será Sua Herança
• O Falcão Maltês
• O Matador
• O Pagamento Final
• Perseguidor Implacável
CINEPLAYERS LTDA. (2003 - 2017) - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

CENTRAL DE USUÁRIOS
FILMES
CRÍTICAS
NOTÍCIAS
PERFIS
TRILHAS SONORAS
HOME CINEMA
TOPS
COMENTÁRIOS
ARTIGOS
PREMIAÇÕES
JOGOS
FÓRUNS
PAPÉIS DE PAREDE
MAIS ASSISTIDOS
EQUIPE
NOSSA HISTÓRIA
CONTATO
PERGUNTAS FREQUENTES
PROMOÇÕES
ESTATÍSTICAS
ESPECIAL WES CRAVEN
CHAT
MAPA DO SITE
API CINEPLAYERS
ANUNCIE CONOSCO
       
CINEPLAYERS LTDA. (2003 - 2017)

        
 USUÁRIOS
 + ASSISTIDOS
 EQUIPE
 HISTÓRIA
CONTATO
FAQ
PROMOÇÕES
ESTATÍSTICAS
WES CRAVEN
MAPA DO SITE
API
ANUNCIE