FILMES CRÍTICAS NOTÍCIAS PERFIS TRILHAS TOPS PREMIAÇÕES ARTIGOS COMENTÁRIOS FÓRUNS   SÉRIES PUBLICIDADE
CENTRAL DE USUÁRIOS   |    CADASTRE-SE   |   ENTRAR
   
FILMES
CRÍTICAS
NOTÍCIAS
PERFIS
TRILHAS
TOPS
PREMIAÇÕES
ARTIGOS
COMENTÁRIOS
FÓRUNS

SÉRIES
CADASTRE-SE   |   ENTRAR
CRÍTICA

Mentes Sombrias

(Darkest Minds, The, 2018)
Por Bernardo D.I. Brum Avaliação:           5.0
Vai uma distopia adolescente aí?
imagem de Mentes Sombrias
Um certo filão reina absoluto entre os best-sellers. Após as portas escancaradas por séries como Harry Potter e Crepúsculo, Jogos Vorazes veio pegando emprestado ideias do filme/mangá Battle Royale - jovens que vivem em um futuro terrível participando de uma competição - e o estrago estava feito. Entre os “filhos” da trilogia de Susanne Collins, veio a saga Divergente, a franquia Maze Runner e agora, esse Mentes Sombrias

Iniciada por Alexandra Bracken em 2012, a série lida com um futuro onde 90% das crianças morreram e as que sobraram desenvolveram poderes assustadores e, para serem contidas, são levadas a campos de concentração e divididas por escala de poder. Entre eles está Ruby Daly, jovem com poder de entrar na mente de indivíduos. Considerada perigosa por ser do nível “laranja”, ela se disfarça como um dos “verdes” superdotados por anos, até conseguir escapar com a ajuda de uma espiã infiltrada da resistência. No mundo devastado, ela fica dividida entre juntar-se à “Liga”, como se intitula a organização resistente, ou junto com o grupo encontrar o acampamento do lendário sobrevivente “Slipkid”, onde é dito que as crianças e jovens podem se divertir e brincar ao ar livre. 

A máquina industrial de Hollywood encontrou uma palavrinha mágica para continuar vendendo ingressos de filme: as franquias seriadas. Dado as transformações tecnológicas, é difícil julgar - a literatura fantástica vem seguindo o mesmo caminho -, mas o cinema deve ser a mídia onde isso é mais representativo; os (muitos) filmes de super heróis lançados ultimamente atestam isso. São espetaculares, são cheios de nomes famosos, tem concorrência, enfim - dá aos proprietários de direitos intelectuais a chance de manter-se no rol midiático.

Mas e o produto que chega até o leitor ou espectador? Bem, variantes sobre o mesmo tema. Mentes Sombrias tem uma preocupação explícita em mostrar um elenco diverso e falar sobre problemas adolescentes como auto-aceitação, amadurecimento, escolhas e lealdade, mas é por demais um produto industrial para o seu próprio bem. Com sua história de amor em meio à guerra, trilha-sonora sentimental de bandas pop e personagens heroicos, espertos e engraçados, não consegue sair muito de um esquema “Jogos Vorazes encontra X-Men”.

Fica até difícil criticar um filme tão escorado nos acertos de seus congêneres que não dá para considerar Mentes Sombrias como um filme inofensivo. O filão está lá, os grandes sucessos já estão caminhando para seu final, a demanda é criada, esquema fast-food. Mas ainda que medíocre em sua essência, tem alguns acertos e erros notórios.

O filme não possui a pungência política de um Jogos Vorazes, capaz de tocar organicamente no tema em meio a um blockbuster adolescente hollywoodiano, mas a seu favor também possui um senso de escalada dramática mais bem-resolvido que filmes como Divergente, por exemplo. A batalha final do filme termina mais maniqueísta que seu miolo faz parecer, mas tem seu senso de grandiosidade e de inversão de expectativas.

Ao mesmo tempo em que acerta, também, ao não apresentar necessariamente um único caminho para a protagonista seguir em sua jornada de autoconhecimento, também novamente se torna um em um milhão com a inserção de uma desgastada reviravolta lá pelo seu final, que por sua vez também virou padrão da indústria ao tentar fugir do preto no branco. Quem diria que até mesmo as reviravoltas, que pretendem tirar um filme da linearidade pura e simples, poderia ganhar suas técnicas padronizadas para roteiristas preguiçosos.

Há problemas de lógica interna - como a protagonista descobrindo um segredo que acaba deixando de importar na trama e heroísmos individualistas que não fazem muito sentido - mas o incômodo mais profundo mesmo de Mentes Sombrias é o fato de ser pouco mais de uma hora e quarenta de puro lugar comum, com uma falta de ousadia que o deixa um tanto apático. Mas não é um caso pontual, nem de longe; é um exemplar de uma indústria bastante saturada de suas distopias adolescentes, super-heróis, revivals e remakes, mas que não entregam nada além de fórmulas recicladas. 

Saída de animações como Kung Fu Panda 2 e 3, a cineasta Jennifer Yuh Nelson entrega em seu primeiro live-action a típica grandeza inflada Hollywoodiana, produto ordinário da vez. A baixa bilheteria (até agora, 9.9 milhões contra o orçamento de $34 mi, sendo a 11ª pior semana de abertura de filme de grande distribuição) pode indicar que talvez o público já não encare com tanto afinco assim a febre das distopias adolescentes de autodescoberta - difícil saber se com esse desempenho essa saga terá futuro nos cinemas - e que a próxima grande novidade a ser plastificada e repetida indefinidamente ainda tem que ser descoberta.
Por Bernardo D.I. Brum, em 13/08/2018
Avaliação:           5.0
Notas - Equipe
• Bernardo D.I. Brum 5.0
•  Média 5.0
Notas - Usuários
aguardando 3 votos
Minha nota:
0.5 1.0 1.5 2.0 2.5 3.0 3.5 4.0 4.5 5.0 5.5 6.0 6.5 7.0 7.5 8.0 8.5 9.0 9.5 10.0
    --
• Todas as opiniões 
Comente no Cineplayers (2)
Por Walter Prado, em 15/08/2018 | 18:45:13 h
Deve ser um lixo, passar longe.
Por Chrystian Dowsley, em 14/08/2018 | 13:07:08 h
Nem pretendo ver o filme mas já ri um bocado aqui da crítica imaginando a bomba que é esse negócio . Quem sabe uns jump scares não resolvesse o problema desses filmes.
Comente no Facebook
Todas as informações aqui contidas são propriedades de seus respectivos produtores. Sugestões? Reclamações? Elogios? Faça valer sua opinião, escreva-nos!
 CINEPLAYERS CAST
CP Cast
#55 Halloween (2018)
#54 O Primeiro Homem
#53 Nasce Uma Estrela
#52 Musicais no Século XXI
#51 70 anos de John Carpenter
#50 Breaking Bad - 10 Anos
#49 Neorrealismo Italiano
#48 O Exorcista
#47 Wall-E
#46 The Last of Us
#45 60 anos de Tim Burton
#44 Meu Amigo Totoro
#43 Missão: Impossível - Efeito Fallout
#42 Filmes da Sessão da Tarde
#41 Batman: O Cavaleiro das Trevas
#40 100 anos de Ingmar Bergman
#39 Os Incríveis 2
#38 Era Uma Vez no Oeste
#37 Jurassic Park e Jurassic World
#36 O Bebê de Rosemary
#35 A Noite dos Mortos-Vivos e Despertar dos Mortos
#34 Han Solo: Uma História Star Wars
#33 Deadpool 2
#32 Um Corpo que Cai
#31 Stephen King no Cinema
#30 Vingadores: Guerra Infinita
#29 A Franquia 007
#28 Um Lugar Silencioso
#27 2001: Uma Odisseia no Espaço
#26 Jogador Nº1
#25 Planeta dos Macacos
#24 Quentin Tarantino
#23 75 anos de David Cronenberg
#22 Projeto Flórida
#21 Trama Fantasma
#20 Três Anúncios Para um Crime e Lady Bird
#19 Oito e Meio de Fellini
#18 A Forma da Água
#17 The Post e os filmes de Jornalismo
#16 Indicados ao Oscar 2018!
#15 20 Anos de Titanic
#14 Nostalgia Cinéfila - Especial 15 Anos!
#13 Melhores de 2017
#12 Star Wars: Episódio VIII - Os Últimos Jedi
#11 Especial Natalino
#10 Assassinato no Expresso Oriente
#9 Onde os Fracos Não Têm Vez
#8 Liga da Justiça
#7 Stranger Things
#6 45 anos de O Poderoso Chefão
#5 Branca de Neve e os Sete Anões
#4 Halloween
#3 Blade Runner / Blade Runner 2049
#2 De Volta Para o Futuro
#1 Os Goonies
#0 O Piloto
 LEIA TAMBÉM
 FICHA DO FILME

 Mentes Sombrias
(Darkest Minds, The, 2018)
• Direção:
- Jennifer Yuh
• Elenco Principal:
- Mandy Moore
- Gwendoline Christie
- Amandla Stenberg
• Sinopse: Baseado no famoso best-seller de Alexandra Bracken, a história se passa num futuro em que uma doença mata 98% dos recém-nascidos nos EUA. Os 2% sobreviventes desenvolvem superpoderes e são aprisionados em campos de internação. Uma garota de 16 anos c...
 FILMES RELACIONADOS
• Crepúsculo
• Divergente
• Jogos Vorazes
• Kung Fu Panda
CINEPLAYERS LTDA. (2003 - 2018) - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

CENTRAL DE USUÁRIOS
FILMES
CRÍTICAS
NOTÍCIAS
PERFIS
TRILHAS SONORAS
HOME CINEMA
TOPS
COMENTÁRIOS
ARTIGOS
PREMIAÇÕES
JOGOS
FÓRUNS
PAPÉIS DE PAREDE
MAIS ASSISTIDOS
EQUIPE
NOSSA HISTÓRIA
CONTATO
PERGUNTAS FREQUENTES
PROMOÇÕES
ESTATÍSTICAS
ESPECIAL A NOVA HOLLYWOOD
ESPECIAL WES CRAVEN
CHAT
MAPA DO SITE
API CINEPLAYERS
ANUNCIE CONOSCO
         
CINEPLAYERS LTDA. (2003 - 2018)

           
 USUÁRIOS
 + ASSISTIDOS
 EQUIPE
 HISTÓRIA
CONTATO
FAQ
PROMOÇÕES
ESTATÍSTICAS
WES CRAVEN
MAPA DO SITE
API
ANUNCIE