FILMES CRÍTICAS NOTÍCIAS PERFIS TRILHAS TOPS PREMIAÇÕES ARTIGOS COMENTÁRIOS FÓRUNS   SÉRIES PUBLICIDADE
CENTRAL DE USUÁRIOS   |    CADASTRE-SE   |   ENTRAR
   
FILMES
CRÍTICAS
NOTÍCIAS
PERFIS
TRILHAS
TOPS
PREMIAÇÕES
ARTIGOS
COMENTÁRIOS
FÓRUNS

SÉRIES
CADASTRE-SE   |   ENTRAR
CRÍTICA

Réquiem Para Sra. J

(Rekvijem za gospodju J, 2017)
Por Francisco Carbone Avaliação:                 8.0
Distante e ao redor.
imagem de Réquiem Para Sra. J
Quantos filmes búlgaros chegam ao circuito semanalmente? Bom, sei que a pergunta é feita de maneira irônica (até porque o último filme de lá a estrear por aqui, Glory, de Kristina Grozeva e Petar Valchanov, chegou há quase 9 meses), mas é apenas o primeiro motivo para o qual o longa de Bojan Vuletic não deva ser desprezado; como é raro termos acesso a essa cinematografia, o interesse pela mesma deveria se fazer instantâneo. Os outros motivos acercam as inúmeras qualidades da produção, que compartilha com a Romênia influências estéticas e dramáticas. Um prato cheio para quem não espera do cinema todas as respostas narrativas.

O que isso significa? A Romênia vem se tornando cada vez mais frequente nos festivais de cinema, muito mais que no nosso circuito, infelizmente. Vuletic compartilha deles os planos estáticos e distanciados, evidenciando tanto os espaços estéreis quanto os personagens em erupção interna. Sua câmera se movimenta quando precisa sublinhar justamente uma ação deslocante, muito mais da alma que dos membros, ainda que metaforize um certo respiro nesses momentos. A câmera segue Sra. J quando ela parece reagir frente as intempéries, nos ambientes abertos e de interatividade. Logo, a estática volta a fazer parte do corpo e da máquina, também porque esse é o desejo da protagonista: parar. 

Sra. J não tem muitos motivos para viver. Desprezada pela filha mais nova, odiada pela mais velha, viúva há um ano, uma mulher que podia e queria ser invisível, mas infelizmente existe para atrapalhar. Sua presença incomoda a quase todos, e ela decide sair de cena antes que tirem. Assim sendo, na última semana de vida, a burocracia para mudar a lápide do marido o leva a périplos pelas ruas da cidade, incluindo uma volta ao emprego que a abandonou. O longa tem essa história que remete diretamente ao ápice do cinema romeno, na década passada, e ao mesmo tempo a velhice desassistida, a falta de afeto e as relações familiares destruídas não são exclusividade de nenhum povo e até por aqui isso tem feito eco (Pela Janela de Caroline Leone), o que prova que essa exclusão humana tem feito escola, e infelizmente esse aprendizado não está restrito ao cinema.

Cineastas europeus vem sendo constantemente acusados de misantropia anos afora quando eu vejo apenas verdade narrativa e acerto dramático. Essas opções se unem à vontade do diretor em retratar aquela solidão, aquele deslocamento em seu próprio habitat, e promover um trabalho de montagem que valorize os tempos mortos e o minimalismo. A fotografia se alia à direção de arte para ampliar os espaços diante da protagonista, ao mesmo tempo que tudo isso a oprime. Enquanto a casa da sra. J é apertada e repleta de elementos por onde olhamos, a fábrica abandonada é desértica, triste e desoladora; ambos os ambientes parecem traduzir a personagem principal e completar seu estado de total desespero. É uma leitura que abdica das palavras através das imagens, Vuletic sabe disso e promove apenas os diálogos essenciais.

O desempenho dos atores coadjuvantes no geral é bom, ficando todos em campo extremo de atuação, da histeria à apatia em cadeia proposital, com todo destaque indo para Mirjana Karanović. Ser a personagem título de um filme não é tarefa fácil, geralmente exige presença essencial na produção e aqui não foi diferente. Estar em todas as cenas do longa com uma expressão melancólica, distante, e ainda assim conseguir envolver e despertar a empatia do espectador para um ser humano que não se ajuda em nenhuma parte do tempo é raro, e o filme de Vuletic é construído para que essa mulher seja compreendida. Mirjana tem a árdua tarefa de colocar os olhos do público em contato não apenas com toda aquela dor da sra. J, como também de evocar torcida para que o melhor aconteça a ela, qualquer que seja sua escolha final. Ponto para atriz e diretor, que trabalham em conjunto para mostrar que os seres podem até ter uma noção meio gasta do que é afeto, mas que as vezes da forma mais inadequada ele é demonstrado.
Por Francisco Carbone, em 24/05/2018
Avaliação:                 8.0
Notas - Equipe
• Francisco Carbone 8.0
•  Média 8.0
Notas - Usuários
7.3/10 (3 votos)
Minha nota:
0.5 1.0 1.5 2.0 2.5 3.0 3.5 4.0 4.5 5.0 5.5 6.0 6.5 7.0 7.5 8.0 8.5 9.0 9.5 10.0
    --
• Todas as opiniões 
Comente no Cineplayers (0)
Não há opiniões dos usuários.
Comente no Facebook
Todas as informações aqui contidas são propriedades de seus respectivos produtores. Sugestões? Reclamações? Elogios? Faça valer sua opinião, escreva-nos!
 CINEPLAYERS CAST
CP Cast
#49 Neorrealismo Italiano
#48 O Exorcista
#47 Wall-E
#46 The Last of Us
#45 60 anos de Tim Burton
#44 Meu Amigo Totoro
#43 Missão: Impossível - Efeito Fallout
#42 Filmes da Sessão da Tarde
#41 Batman: O Cavaleiro das Trevas
#40 100 anos de Ingmar Bergman
#39 Os Incríveis 2
#38 Era Uma Vez no Oeste
#37 Jurassic Park e Jurassic World
#36 O Bebê de Rosemary
#35 A Noite dos Mortos-Vivos e Despertar dos Mortos
#34 Han Solo: Uma História Star Wars
#33 Deadpool 2
#32 Um Corpo que Cai
#31 Stephen King no Cinema
#30 Vingadores: Guerra Infinita
#29 A Franquia 007
#28 Um Lugar Silencioso
#27 2001: Uma Odisseia no Espaço
#26 Jogador Nº1
#25 Planeta dos Macacos
#24 Quentin Tarantino
#23 75 anos de David Cronenberg
#22 Projeto Flórida
#21 Trama Fantasma
#20 Três Anúncios Para um Crime e Lady Bird
#19 Oito e Meio de Fellini
#18 A Forma da Água
#17 The Post e os filmes de Jornalismo
#16 Indicados ao Oscar 2018!
#15 20 Anos de Titanic
#14 Nostalgia Cinéfila - Especial 15 Anos!
#13 Melhores de 2017
#12 Star Wars: Episódio VIII - Os Últimos Jedi
#11 Especial Natalino
#10 Assassinato no Expresso Oriente
#9 Onde os Fracos Não Têm Vez
#8 Liga da Justiça
#7 Stranger Things
#6 45 anos de O Poderoso Chefão
#5 Branca de Neve e os Sete Anões
#4 Halloween
#3 Blade Runner / Blade Runner 2049
#2 De Volta Para o Futuro
#1 Os Goonies
#0 O Piloto
 LEIA TAMBÉM
 FICHA DO FILME

 Réquiem Para Sra. J
(Rekvijem za gospodju J, 2017)
• Direção:
- Bojan Vuletic
• Elenco Principal:
- Mirjana Karanovic
- Jovana Gavrilovic
- Danica Nedeljkovic
• Sinopse: Jelena já viveu o suficiente. Seu marido morreu há um ano, ela se sente cansada e solitária. Decide que, no final da semana, no aniversário da morte do marido, ela se suicidará. Ela tem uma pistola pronta. Mas, há uma série de coisas para resolver: e...
 FILMES RELACIONADOS
• Glory
• Pela Janela
CINEPLAYERS LTDA. (2003 - 2018) - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

CENTRAL DE USUÁRIOS
FILMES
CRÍTICAS
NOTÍCIAS
PERFIS
TRILHAS SONORAS
HOME CINEMA
TOPS
COMENTÁRIOS
ARTIGOS
PREMIAÇÕES
JOGOS
FÓRUNS
PAPÉIS DE PAREDE
MAIS ASSISTIDOS
EQUIPE
NOSSA HISTÓRIA
CONTATO
PERGUNTAS FREQUENTES
PROMOÇÕES
ESTATÍSTICAS
ESPECIAL A NOVA HOLLYWOOD
ESPECIAL WES CRAVEN
CHAT
MAPA DO SITE
API CINEPLAYERS
ANUNCIE CONOSCO
         
CINEPLAYERS LTDA. (2003 - 2018)

           
 USUÁRIOS
 + ASSISTIDOS
 EQUIPE
 HISTÓRIA
CONTATO
FAQ
PROMOÇÕES
ESTATÍSTICAS
WES CRAVEN
MAPA DO SITE
API
ANUNCIE