FILMES CRÍTICAS NOTÍCIAS PERFIS TRILHAS TOPS PREMIAÇÕES ARTIGOS COMENTÁRIOS FÓRUNS   SÉRIES PUBLICIDADE
CENTRAL DE USUÁRIOS   |    CADASTRE-SE   |   ENTRAR
   
FILMES
CRÍTICAS
NOTÍCIAS
PERFIS
TRILHAS
TOPS
PREMIAÇÕES
ARTIGOS
COMENTÁRIOS
FÓRUNS

SÉRIES
CADASTRE-SE   |   ENTRAR
CRÍTICA

Vaga Carne

(Vaga Carne, 2019)
Por Francisco Carbone Avaliação:                   9.0
Os sons da reflexão.
O som invade o espaço que comporta a obra. Esse som vai penetrando em cada caixa de som, em cada ambiente, em cada espectador, para provocar e pedir aderência à sua proposta, de investigá-lo e aos poucos se permitir ser penetrado por ele. Todos somos matéria, menos o som que protagoniza Vaga Carne, adaptação cinematográfica da obra teatral de Grace Passô pela mesma, co-dirigida por Ricardo Alves Jr. Criada em tempo recorde (menos de dois meses) para um projeto tão arriscado e desafiador, impressiona os resultados cênicos conseguidos pelos diretores, o que demonstra a intimidade com o material e o domínio para com as ferramentas fundamentais do objeto, som e espaço. Ao adquirir confluência tão natural, o filme se prova independente mesmo que tudo apontasse o contrário.

A partir desse objeto sem corpo (o som/voz), o filme propõe um debate que no atual veículo amplia de proposta. A esfera 'cinema' comporta não apenas uma camada nova na realização como também encampa exclusivamente um olhar para esse dado, também ele se alimentando dos temas já apresentados anteriormente nos palcos. Vai desde a exploração da mulher até uma reflexão muito profunda sobre a utilidade das coisas, sejam elas sentimentos, pessoas ou figuras inanimadas. Essa voz que vaga a invadir objetos e seres humanos é o responsável por tais reflexões, que passam por questões identitárias, de gênero, de inadequação e de encontrar um propósito pra si no mundo.

O filme é um média metragem e na própria concepção inicial não tinha duração estendido. No exíguo tempo de 45 minutos, Grace consegue passar não apenas sua mensagem, como investigar uma nova vertente de trabalho, agora como cineasta, conseguindo o belo feito de manter intacta a relevância de sua obra, além de criar um dispositivo sonoro que transforma a experiência em possibilidade ampla de experimentação de linguagem. Inquieta como artista, Grace não conseguiria realizar algo que não fosse diferente desse disco voador, que impacta tecnicamente e instiga um debate dentro da narrativa e pós filme. Com o quadro apresentado, a realizadora convida o público e só cabe a ele a adesão imediata ou o incômodo negativo. Se conseguir olhar além da estranheza inicial, será colocado em uma experiência completamente diferente do que o cinema propõe.

O cuidado para com a ambição narrativa que já era presente na peça, reflete no que a dupla de diretores tinham em mente para essa transposição de mídia. Ambos se propuseram um desafio e conseguem realizar essa tarefa com um brilho extra e impensado, ainda que alguns planos pareçam deslocados. A beleza do todo compensa a ousadia de encenar um monólogo no cinema. A direção ainda tem um plus de perfeição representado pelo inominável talento de Grace Passô, atriz. Dona de cada espaço mínimo que a produção dá, Grace reproduz sua belíssima e premiada interpretação dos palcos para a tela com o misto de domínio do material com frescor insuspeito, sem jamais aparentar estar gasto. Pelo contrário, com o talento infinito dessa atriz transformada em diretora cada vez mais evidente, Vaga Carne é a prova de que a atriz pode continuar expandindo suas atividades, se for para crescer assim.

O texto além disso é um bálsamo para qualquer atriz, só que Grace não é uma qualquer. Inteligente, sarcástica, carismática, profunda, divertida, densa, são apenas algumas das características de seu talento que ela empresta a voz do seu filme, aos poucos tomando forma, e impondo a classe artística atual um novo lugar para onde encaixar pessoas foram dos padrões. E, pasmem, Vaga Carne também é sobre isso.

Filme visto na Mostra de Cinema de Tiradentes
Por Francisco Carbone, em 21/01/2019
Avaliação:                   9.0
Notas - Equipe
• Francisco Carbone 9.0
•  Média 9.0
Notas - Usuários
aguardando 3 votos
Minha nota:
0.5 1.0 1.5 2.0 2.5 3.0 3.5 4.0 4.5 5.0 5.5 6.0 6.5 7.0 7.5 8.0 8.5 9.0 9.5 10.0
    --
• Todas as opiniões 
Comente no Cineplayers (0)
Não há opiniões dos usuários.
Comente no Facebook
Todas as informações aqui contidas são propriedades de seus respectivos produtores. Sugestões? Reclamações? Elogios? Faça valer sua opinião, escreva-nos!
 CINEPLAYERS CAST
CP Cast
#69 Indicados ao Oscar 2019
#68 Creed II
#67 Vidro
#66 Homem-Aranha no Aranhaverso
#65 WiFi Ralph e O Retorno de Mary Poppins
#64 Melhores Filmes de 2018
#63 Duro de Matar
#62 Roma
#61 O Senhor dos Anéis
#60 Scarface
#59 Infiltrado na Klan
#58 Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald
#57 O Legado de Stan Lee
#56 O Roteiro de Cinema
#55 Halloween (2018)
#54 O Primeiro Homem
#53 Nasce Uma Estrela
#52 Musicais no Século XXI
#51 70 anos de John Carpenter
#50 Breaking Bad - 10 Anos
#49 Neorrealismo Italiano
#48 O Exorcista
#47 Wall-E
#46 The Last of Us
#45 60 anos de Tim Burton
#44 Meu Amigo Totoro
#43 Missão: Impossível - Efeito Fallout
#42 Filmes da Sessão da Tarde
#41 Batman: O Cavaleiro das Trevas
#40 100 anos de Ingmar Bergman
#39 Os Incríveis 2
#38 Era Uma Vez no Oeste
#37 Jurassic Park e Jurassic World
#36 O Bebê de Rosemary
#35 A Noite dos Mortos-Vivos e Despertar dos Mortos
#34 Han Solo: Uma História Star Wars
#33 Deadpool 2
#32 Um Corpo que Cai
#31 Stephen King no Cinema
#30 Vingadores: Guerra Infinita
#29 A Franquia 007
#28 Um Lugar Silencioso
#27 2001: Uma Odisseia no Espaço
#26 Jogador Nº1
#25 Planeta dos Macacos
#24 Quentin Tarantino
#23 75 anos de David Cronenberg
#22 Projeto Flórida
#21 Trama Fantasma
#20 Três Anúncios Para um Crime e Lady Bird
#19 Oito e Meio de Fellini
#18 A Forma da Água
#17 The Post e os filmes de Jornalismo
#16 Indicados ao Oscar 2018!
#15 20 Anos de Titanic
#14 Nostalgia Cinéfila - Especial 15 Anos!
#13 Melhores de 2017
#12 Star Wars: Episódio VIII - Os Últimos Jedi
#11 Especial Natalino
#10 Assassinato no Expresso Oriente
#9 Onde os Fracos Não Têm Vez
#8 Liga da Justiça
#7 Stranger Things
#6 45 anos de O Poderoso Chefão
#5 Branca de Neve e os Sete Anões
#4 Halloween
#3 Blade Runner / Blade Runner 2049
#2 De Volta Para o Futuro
#1 Os Goonies
#0 O Piloto
 LEIA TAMBÉM
 FICHA DO FILME

 Vaga Carne
(Vaga Carne, 2019)
• Direção:
- Grace Passô
- Ricardo Alves Jr.
• Elenco Principal:
- Grace Passô
- Zora Santos
- Dona Jandira
• Sinopse: Vaga Carne é um campo de jogo entre palavra e movimento. Nela uma voz é o personagem e um corpo de mulher é o cenário para a procura de suas identidades e de pertencimento.
CINEPLAYERS LTDA. (2003 - 2019) - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

CENTRAL DE USUÁRIOS
FILMES
CRÍTICAS
NOTÍCIAS
PERFIS
TRILHAS SONORAS
HOME CINEMA
TOPS
COMENTÁRIOS
ARTIGOS
PREMIAÇÕES
JOGOS
FÓRUNS
PAPÉIS DE PAREDE
MAIS ASSISTIDOS
EQUIPE
NOSSA HISTÓRIA
CONTATO
PERGUNTAS FREQUENTES
PROMOÇÕES
ESTATÍSTICAS
ESPECIAL A NOVA HOLLYWOOD
ESPECIAL WES CRAVEN
CHAT
MAPA DO SITE
API CINEPLAYERS
ANUNCIE CONOSCO
         
CINEPLAYERS LTDA. (2003 - 2019)

           
 USUÁRIOS
 + ASSISTIDOS
 EQUIPE
 HISTÓRIA
CONTATO
FAQ
PROMOÇÕES
ESTATÍSTICAS
WES CRAVEN
MAPA DO SITE
API
ANUNCIE
Apoiadores
Promobit: O site para encontrar aquela promoção imperdível