FILMES CRÍTICAS NOTÍCIAS PERFIS TRILHAS TOPS PREMIAÇÕES ARTIGOS COMENTÁRIOS FÓRUNS   SÉRIES PUBLICIDADE
CENTRAL DE USUÁRIOS   |    CADASTRE-SE   |   ENTRAR
   
FILMES
CRÍTICAS
NOTÍCIAS
PERFIS
TRILHAS
TOPS
PREMIAÇÕES
ARTIGOS
COMENTÁRIOS
FÓRUNS

SÉRIES
CADASTRE-SE   |   ENTRAR
OPINIÕES
Gilda
(Gilda, 1946)

7.5
(128 votos)


Editores (1)

07/03/2013
"Os olhos de Taylor eram mais vívidos, Monroe era mais voluptuosa, Hepburn mais elegante, a voz de Bergman era mais sensual e Stanwyck tinha o olhar mais perigoso. Mas nenhuma fumava um cigarro com tanta classe e tão sexy quanto Rita Hayworth. "

Heitor Romero

7.0
Usuários (10)

22/01/2016
"Charles Vidor, ao melhor estilo conciso de Howard Hawks, permite que a relação entre os personagens de Rita Hayworth e de Glenn Ford comande o filme. Até porque o resto do roteiro é oscilante. E, como é vital no noir, a fotografia não passa despercebida."

Renato Abbt Keppe

7.0

13/11/2015
"Gilda não têm nem lógica quanto menos cabimento. A impressão é que realizaram um filme para Rita Hayworth desfilar sua beleza, e nada além disto justifica a existência deste filme que nem sequer demonstra a costumeira fenomenal fotografia noir."

Eliezer Lugarini

4.5

28/07/2014
"Claro que muito da fama e do mito por detrás do filme está em Rita Hayworth com sua beleza e cenas inesquecíveis, mas vai além, com fotografia típica do noir bem interessante e ritmo agradável."

Bruno Ricardo de Souza Dias

7.5

11/07/2014
"Uma história, meio banal, atuações teatrais, não justifica a fama que tem."

ADEMAR FERREIRA BESSA

6.0

09/07/2014
"O queixo cai com tamanhos diálogos,a câmera criativa consagra a elegância e o êxtase é completo quando Gilda está em cena com sua sensualidade latente e postura atirada que fascinou tantos homens."

Adriano Augusto dos Santos

9.0

25/01/2014
"Tudo muito misterioso e ambíguo, não sabemos nada sobre os personagens e suas motivações, com ares de McGuffin e expressionismo alemão.A fotografia e o uso de sombras embeleza o filme enfatizando a situação sombria dos personagens. Hayworth está esquisita"

Vítor Miranda

7.5

29/07/2013
""Put the blame on Mame, boys"."

Laís P.

7.5

17/07/2012
"A história até tenta, com sub-tramas regulares, mas não consegue disfarçar que o centro das atenções é Gilda, uma femme-fatale sedutora, enganadora, mas tão perigosa para os outros, quanto para si mesma, já que é confusa e de temperamento frágil."

Bruno Kühl

7.0

30/04/2012
"Não sei porque esse filme tem tanta fama. Alguns diálogos são até bons, mas nada demais. E a Rita Hayworth nem era tudo isso!"

Angelão

6.0

25/04/2017
"17/03/07 - O strip-tease mais famoso do cinema. "Nunca houve uma mulher como Gilda"."

Eduardo Scutari

9.0
CINEPLAYERS LTDA. (2003 - 2017) - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

CENTRAL DE USUÁRIOS
FILMES
CRÍTICAS
NOTÍCIAS
PERFIS
TRILHAS SONORAS
HOME CINEMA
TOPS
COMENTÁRIOS
ARTIGOS
PREMIAÇÕES
JOGOS
FÓRUNS
PAPÉIS DE PAREDE
MAIS ASSISTIDOS
EQUIPE
NOSSA HISTÓRIA
CONTATO
PERGUNTAS FREQUENTES
PROMOÇÕES
ESTATÍSTICAS
ESPECIAL A NOVA HOLLYWOOD
ESPECIAL WES CRAVEN
CHAT
MAPA DO SITE
API CINEPLAYERS
ANUNCIE CONOSCO
         
CINEPLAYERS LTDA. (2003 - 2017)

           
 USUÁRIOS
 + ASSISTIDOS
 EQUIPE
 HISTÓRIA
CONTATO
FAQ
PROMOÇÕES
ESTATÍSTICAS
WES CRAVEN
MAPA DO SITE
API
ANUNCIE