FILMES CRÍTICAS NOTÍCIAS PERFIS TRILHAS TOPS PREMIAÇÕES ARTIGOS COMENTÁRIOS FÓRUNS   SÉRIES PUBLICIDADE
CENTRAL DE USUÁRIOS   |    CADASTRE-SE   |   ENTRAR
   
FILMES
CRÍTICAS
NOTÍCIAS
PERFIS
TRILHAS
TOPS
PREMIAÇÕES
ARTIGOS
COMENTÁRIOS
FÓRUNS

SÉRIES
CADASTRE-SE   |   ENTRAR
TÓPICO

Regras:
Obs. 1: o formulário de postagem está disponível apenas para usuários cadastrados e logados no sistema.
Obs. 2: evite brigas! Discussões tolas poderão ser deletadas sem prévio aviso.
Obs. 3: é proibido (sujeito ao trancamento do tópico, banimento do usuário, exclusão do tópico ou até mesmo exclusão do usuário em casos mais graves): spam e divulgação de links para download de filmes piratas.

Mais doidão do que nunca
(#543987)
Por André Oliveira de Araujo Ferreira, em 15/05/2018 | 14:38:26 h
Lars von Trier choca Cannes com seu filme mais perverso; teve gente que saiu mais cedo

“The House that Jack Built” (A casa que Jack construiu, em tradução livre)

São duas horas e meia acompanhando um serial killer metódico, que comete assassinatos violentos, mas sobretudo repletos de maldade, com casos em que as vítimas são expostas a humilhações extremas antes de morrerem. A trama se passa em uma cidadezinha americana nos anos 1970 (apesar de filmado na Suécia), e o assassino em série fica conhecido como Mr. Sophistication (Senhor Sofisticação), exatamente pelo requinte de seus crimes.

Fica claro que, com esse protagonista, Lars von Trier está falando diretamente sobre si mesmo e sua opção estética e ética que utiliza em seus filmes, não raro acusados de misoginia e um grande desprezo pela humanidade. No material distribuído para a imprensa, o cineasta se limita a descrever seu filme com poucas palavras. “Por muitos anos, realizei filmes sobre mulheres boas. Mas agora fiz um filme sobre um homem mau”, diz na apresentação.

A descrição é perfeita: seu Jack é uma criatura abominável, como o Lars von Trier artista tantas vezes já se mostrou em seus filmes. Desta vez, o cardápio de brutalidades inclui mutilação de animais e violência física contra crianças, além da já conhecida truculência contra o corpo feminino – muitas vezes usado, inclusive, de maneira discutivelmente cômica. E inclui desta vez ainda um elemento xenofóbico.

Talvez nas profundezas de sua mente, Trier seja uma pessoa tão perversa quanto Hitler, mas o diretor encontrou o cinema para usar como válvula de escape para seu conteúdo mais sombrio. Muita gente, compreensivelmente, ainda o considera um homem maligno, mesmo exercendo seu sadismo por meio de sua câmera. Mas apesar de toda a negatividade que seu cinema traz nas entranhas, enquanto expressão artística, ainda é um pouco daquilo que de melhor a arte cinematográfica tem sido capaz de produzir nas últimas décadas. Amando ou rejeitando-o, ele segue como um nome altamente relevante.
(#543991)
Por Bernardo D.I. Brum, em 15/05/2018 | 19:11:08 h
O famoso exploitation com grife hahahaha
(#543993)
Por Araquem da Rocha , em 15/05/2018 | 20:28:39 h
Curioso por esse.
(#544000)
Por Douglas Rodrigues de Oliveira, em 16/05/2018 | 21:55:05 h
Se for melhor que os Ninfo do cara, tá ótimo - e tá parecendo ser. Vou no cinema pra ver, e provavelmente vou sozinho rs
(#544002)
Por Augusto Barbosa, em 17/05/2018 | 13:27:10 h
Described by Von Trier as a celebration of “the idea that life is evil and soulless” (https://www.theguardian.com/film/2018/apr/17/lars-von-trier-set-for-cannes-return-after-seven-year-ban)

Como se todo filme dele não fosse isso.
(#544004)
Por Josiel Oliveira, em 17/05/2018 | 15:57:57 h
E bota grife nesse exploitation hein..
Vou fazer que nem o Douglas, dar um perdido na mulher e ir sozinho assistir esse.. e preparado pra sofrer kkkk
O Trier é bem sádico mesmo, mas longe de ser gratuito.
(#544005)
Por Pedro Degobbi, em 17/05/2018 | 18:50:44 h
Ainda não sei dizer como me sinto em relação ao trailer desse filme.

Porém, me conhecendo bem como conheço, acho difícil eu conseguir evitar a curiosidade de assistir um Trier.
(#544007)
Por Daniel Vilas Boas, em 17/05/2018 | 23:09:52 h
eu fiquei extremamente agoniado com a cena do patinho.
Cineplayers não se responsabiliza pelas postagens deste fórum. Ajude-nos a manter a integridade do conteúdo, caso veja algum abuso ou comentário ofensivo, entre em contato conosco, denunciando (passe o link do material original).
CINEPLAYERS LTDA. (2003 - 2018) - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

CENTRAL DE USUÁRIOS
FILMES
CRÍTICAS
NOTÍCIAS
PERFIS
TRILHAS SONORAS
HOME CINEMA
TOPS
COMENTÁRIOS
ARTIGOS
PREMIAÇÕES
JOGOS
FÓRUNS
PAPÉIS DE PAREDE
MAIS ASSISTIDOS
EQUIPE
NOSSA HISTÓRIA
CONTATO
PERGUNTAS FREQUENTES
PROMOÇÕES
ESTATÍSTICAS
ESPECIAL A NOVA HOLLYWOOD
ESPECIAL WES CRAVEN
CHAT
MAPA DO SITE
API CINEPLAYERS
ANUNCIE CONOSCO
         
CINEPLAYERS LTDA. (2003 - 2018)

           
 USUÁRIOS
 + ASSISTIDOS
 EQUIPE
 HISTÓRIA
CONTATO
FAQ
PROMOÇÕES
ESTATÍSTICAS
WES CRAVEN
MAPA DO SITE
API
ANUNCIE