Saltar para o conteúdo
8,8
Cineplayers
13 votos
8,5
Usuários
430 votos
?
Sua nota
Direção
Richard Linklater
Roteiro:
Richard Linklater (escrito por e personagens), Julie Delpy (escrito por), Ethan Hawke (escrito por), Kim Krizan (personagens)
Gênero:
Romance, Drama, Comédia
Origem:
Estados Unidos
Estreia:
14/06/2013
Duração:
108 minutos
Prêmios:
71° Globo de Ouro - 2014, 86° Oscar - 2014

Nove anos após se reencontrarem em Paris, o cenário para a nova história de Jesse e Celine agora é a Grécia.

Elenco

Ethan Hawke
Jesse
Julie Delpy
Celine
Seamus Davey-Fitzpatrick
Hank
Ariane Labed
Anna
Athina Rachel Tsangari
Ariadni
Jennifer Prior
Ella
Charlotte Prior
Nina
Xenia Kalogeropoulou
Natalia
Walter Lassally
Patrick
Yiannis Papadopoulos
Achilleas
Panos Koronis
Stefanos

Lupas

Faça login para dar uma nota e uma lupa.

  • O romance realista, amadurecido faz desta terceira parte da jornada de vida de Jesse e Céline a melhor parte até agora. Não só isso, é uma obra-prima de diálogos perfeitos e personagens lindos.

  • O mais humano, real, maduro, ríspido, cortante, tenso, triste, esperançoso e rohmeriano (há uma citação explícita à ultima cena de "O Raio Verde") capítulo da trilogia. De longe, um dos melhores filmes exibidos no Brasil em 2013.

  • Na terra de grandes tragédias gregas, Jesse e Celine discutem um relacionamento construído há quase 20 anos por uma lente minuciosa e diálogos sempre precisos e naturais que vimos nascer, crescer e... Sobreviver. E isso é suficiente para um casal?

  • Linklater emprega a mesma lógica dos anteriores, apostando nos diálogos e na naturalidade dos atores para construir mais um belo conto sobre o amor, agora desgastado pelo tempo. Real, maduro, tocante. Jesse e Celine são um dos grandes casais do cinema.

  • Há um excesso de autorreferências que cansam e todo peso de um evento, como se tudo com os personagens fosse um grande acontecimento, enfim se reduzindo a um passeio turístico e a mais um filme sobre um casal em crise e discutindo relação.

  • Foi-se o encantamento, chegou o esgotamento. Linklater esmiuça mágoas, repressões, posições patriarcais e todas os efeitos da convivência conjunta dilacerante filme candidato a jamais envelhecer. E que tocante a vulnerabilidade de uma despida Julie Delpy.

  • Ao contrário das pessoas, os lugares atravessam séculos, sustentam-se como cenários de múltiplas histórias humanas. A Grécia recebe Jesse e Céline para o filme da trilogia em que o peso do passado e do futuro mais incidem sobre a efemeridade do contato.

Comentários (0)

Faça login para comentar.