Saltar para o conteúdo
8,3
Cineplayers
6 votos
8,5
Usuários
109 votos
?
Sua nota
Direção
Preston Sturges
Roteiro:
Preston Sturges
Gênero:
Policial, Comédia, Aventura
Origem:
Estados Unidos
Duração:
90 minutos

O diretor John L. Sullivan quer fazer um filme chamado "E Aí, Meu Irmão, Cadê Você?", sobre problemas sociais. Quando seus produtores apontam que não entende nada do assunto, ele decide ir para as ruas para enfrentar de cara a pobreza e ver os problemas do povo, o que o levará a outros tipos de problemas.

Elenco

Joel McCrea
John Lloyd Sullivan
Veronica Lake
A Garota
Robert Warwick
Sr. LeBrand
Porter Hall
Sr. Hadrian
William Demarest
Sr. Jones
Franklin Pangborn
Sr. Casalsis
Robert Greig
Burrows, mordomo de Sullivan
Eric Blore
Criado de Sullivan
Byron Foulger
Johnny Valdelle
Margaret Hayes
Secretária de LeBrand
Esther Howard
Miz Zeffie
Almira Sessions
Ursula
Dewey Robinson
Xerife Charlie
Jimmy Conlin
Trustee
Jess Lee Brooks
Pastor
Jester Hairston
Charlie, projecionista
Charles R. Moore
Cozinheiro do trailer
Willard Robertson
Juiz
Emory Parnell
O ladrão da ferrovia
Bob Kortman
Presidiário assistindo o filme

Lupas

Faça login para dar uma nota e uma lupa.

  • Uma mistura de gêneros em uma proposta de metalinguagem que discute, além do processo de criação de um artista, o papel que sua arte deveria/poderia/quereria desempenhar na sociedade. Posso até não concordar com sua "conclusão", mas é uma bela reflexão.

  • Uma jornada magnífica e edificante que revela qual é a verdadeira pobreza: a de espírito, que não tem a ver com a conta bancária. No fim, arrancar um sorriso sincero de alguém é tudo que importa.

  • Sobre a importância do cinema na vida das pessoas, é como dizem: o riso é o melhor remédio.

  • Quando a mensagem é maior do que o conteúdo em si. Cinema metalinguístico, onde um sorriso às vezes pode fazer a diferença para muitos. - Ps.: Passar perrengue ao lado de Veronica Lake é fácil. Quero ver encarar um trem lotado na Central do Brasil às 17h.

  • O que leva uma pessoa a fazer filmes? O que leva uma pessoa a ver um filme? ''Sullivan's Travels'' não responde a nenhuma dessas perguntas, mas deixa a sensação que a vida seria quase insuportável sem que houvesse essa bela e furtiva Sétima Arte!

  • O cinema deve simplesmente divertir ou levar à reflexão? Qual o limite do trabalho do diretor para levar adiante seu filme? Em meio a essas questões, brilhantemente trabalhadas, Sturges ainda aborda capitalismo, desemprego, exploração do trabalho. Ótimo.

  • muitas foram as tentativas de "definir" o cinema enquanto conceito e arte, mas F for Fake e Sullivan's Travels são sem dúvida alguma os que chegaram mais perto de conseguir, aliás, esse é o filme que falta pra muita gente.

  • Exceto pelo grande ato de valorizar a arte de se fazer cinema para públicos cada vez mais variados, o filme se datou em vários sentidos hoje em dia, infelizmente - mesmo assim, sua mensagem continuará viva. Destaque para a hilária cena de corrida.

  • Estou impressionado com esse filme... A graça das piadas... A Veronica que fotografa SUPER bem, e o melhor de tudo: a mensagem sobre o cinema como entretenimento. Pra mim (que quero cursar Cinema) a mensagem toca fundo no coração s2.

  • Decepcionante... Deveras ultrapassado.

Comentários (0)

Faça login para comentar.