Saltar para o conteúdo
5,6
Cineplayers
7 votos
6,3
Usuários
48 votos
?
Sua nota
Direção
David Moreau, Xavier Palud
Roteiro:
David Moreau, Xavier Palud
Gênero:
Suspense, Terror
Origem:
França
Duração:
77 minutos

Clémentine e Lucas são franceses que vivem em Bucareste, na Romênia. Ela dá aulas de francês, ele é escritor. O casal mora numa enorme e velha casa afastada do centro da cidade. Um local calmo e tranqüilo, até que certa noite Clémentine ouve um barulho no andar de baixo da casa. Assustada, ela acorda o marido. Eles estão atacando furiosamente e querem apenas brincar e apavorar.

Elenco

Olivia Bonamy
Clémentine
Michaël Cohen
Lucas
Adriana Mocca
Ilona
Maria Roman
Sanda
Camelia Maxim
Maria
Alexandru Boghiu
A criança

Lupas

Faça login para dar uma nota e uma lupa.

  • Sem apelar cria tensão e incomodo para o espectador.......No fundo é mais um filme comum e desgastado, mas um pouco melhor que a maioria de seus péssimos concorrentes.

  • Realmente, mais ficção e cenas mal interpretadas do que suspense e medo

  • O gosto com o qual “Eles” termina, porém, deve ser seu maior triunfo. Amargo, intenso e assombroso, o realismo angustiante que provoca em suas últimas imagens é o suficiente para nos deixar pensativos longo depois que a sessão termina.

  • Muito apressado. Quando as coisas começam a ficar tensas de verdade (após um excelente primeiro ato), a "brincadeira" é revelada e o filme se torna outro slasher comum. Uma pena, tinha potencial para bem mais.

  • Gostei, baseados em fatos reais, o original do remake "Os Estranhos", que eu gostei ainda mais que esse, angustiante perseguição, e a surpresa a respeito dos perseguidores...

  • Filmes baseados em fatos reais usam a jogada para tirar proveito da tal realidade e descuidar da ficção, da tela, como se o só o fato da veracidade fosse justificativa para a existência (ruim) dos mesmos. O fato é só faísca, o filme tem que ser fogo.

  • Belo conto atmosférico que faz um belo uso da esperança como vítima principal. É triste ver que, mesmo com um enorme potencial em mãos, o filme ainda cai naqueles clichês bobos de sempre ("baseado em fatos reais"... já vi isso antes...).

Comentários (0)

Faça login para comentar.