Saltar para o conteúdo
8,3
Média
42 votos
?
Sua nota
Direção
Vincente Minnelli
Roteiro:
James Jones (romance), John Patrick (escritor), Arthur Sheekman (escritor)
Gênero:
Romance, Drama
Origem:
Estados Unidos
Duração:
137 minutos
Prêmios:
31° Oscar - 1959, 16° Globo de Ouro - 1959

Lupas (10)

  • Sinatra é fora de série, carrega quase tudo aqui - mesmo com a presença sempre fascinante do amigão Dean Martin, em um personagem meio aleatório. Shirley com sua fofura encantadora (colocando doçura e sinceridade em mulheres fáceis da noite) e técnica de alto nível acompanha bem. História marcante, romances quebrados, futuro e passado sem desfecho. Cinema para adultos.

    Adriano Augusto dos Santos | Em 18 de Maio de 2022 | NOTA: 8.5
  • Originalmente, no final, Gina não deveria estar na linha de tiro. Frank Sinatra fez o comentário: "Deixe a criança levar a bala; talvez ela ganhe um Oscar". O roteiro foi alterado e Shirley MacLaine recebeu sua primeira indicação ao Oscar.

    LUCIANO BAHIA | Em 14 de Janeiro de 2022 | NOTA: 6.0
  • A honestidade e a intensidade dos sentimentos da 'ralé' em contraposição à hipocrisia asséptica, rígida e infeliz da classe média, com o escritor talentoso mas decadente sofrendo no meio do fogo cruzado. Daqueles incríveis contrastes minnellianos.

    Augusto Barbosa | Em 31 de Agosto de 2018 | NOTA: 9.0
  • Vincente Minnelli faz uma crítica ácida e verdadeira ao modo de vida do americano médio. Aquele onde sucesso, aparência e hipocrisia se completam. Ele mostra como o vazio, medo e solidão convivem nessa farsa ilusória das coisas. O final é arrebatador!

    Zacha Andreas Lima | Em 29 de Agosto de 2018 | NOTA: 9.0
  • Apesar de toda estupidez que lhe diz respeito, o amor é um sentimento bonito, puro e capaz de dignificar o mais insignificante dos homens.

    Daniel Mendes | Em 15 de Novembro de 2016 | NOTA: 8.5
  • Minelli normalmente não perde o ritmo em seus filmes, todas as atuações são convincentes ainda que eu não me identifique muito com Sinatra geralmente, mas o filme nunca decola nem como trama e nem como uma análise mais aprofundada de seus personagens. Raz

    Eliezer Lugarini | Em 27 de Outubro de 2015 | NOTA: 5.5
  • 04/01/15

    Eduardo Scutari | Em 05 de Janeiro de 2015 | NOTA: 8.0
  • Um dramalhão novelesco, cujo roteiro se perde no excesso de personagens coadjuvantes e de subtramas inconsistentes que nunca se fecham, piorado pelo elenco caricato (Sinatra não convence como soldado rico, e muito menos como escritor fracassado).

    Gilberto C. Mesquita | Em 05 de Dezembro de 2014 | NOTA: 3.5
  • No filme, os "socialmente corretos" são solitários (Gwen) ou hipócritas (Frank) enquanto os "desregrados" (que bebem, jogam...) acabam sendo os apaixonados, heróis, sinceros e amargamente trágicos (Ginnie). Um filme de nuances impressionantes.

    Vítor Miranda | Em 14 de Julho de 2014 | NOTA: 8.0
  • Já posso dizer que Dave Hirsh é um dos meus personagens preferidos do cinema. Além do mais, esse parece ser um daqueles filmes pra se levar durante toda a vida.

    Alexandre Macedo | Em 20 de Maio de 2012 | NOTA: 9.0