Saltar para o conteúdo
6,9
Cineplayers
8 votos
7,7
Usuários
276 votos
?
Sua nota
Direção
Krzysztof Kieslowski
Roteiro:
Krzysztof Kieslowski, Krzysztof Piesiewicz
Gênero:
Musical, Drama
Origem:
França, Reino Unido, Polônia, Suíça
Duração:
100 minutos
Prêmios:
51° Globo de Ouro - 1994

Julie Vignon (Juliette Binoche) é uma famosa modelo que decide renunciar à vida após a morte do marido e da filha em um acidente de carro. Porém, depois de uma tentativa frustrada de suicídio, Julie encontra uma obra inacabada do marido, um grande músico, e se interessa por ela.

Elenco

Juliette Binoche
Julie Vignon
Hélène Vincent
Jornalista (Helene Vincent)
Benoît Régent
Olivier
Florence Pernel
Sandrine
Charlotte Véry
Lucille
Philippe Volter
Agente do Estado
Claude Duneton
Doutor
Hugues Quester
Patrice
Julie Delpy
Dominique
Emmanuelle Riva
Mãe
Zbigniew Zamachowski
Karol Karol
Arno Chevrier

Lupas

Faça login para dar uma nota e uma lupa.

  • Um filme um pouco irregular porem consegue se manter acima da media.

  • Um filme de situações e símbolos, muito bem amarrado e demonstrando diversos obstáculos que todos enfrentam ou burlam, tudo pelo olhar de uma mulher que faz exatamente o mesmo. Uma linda orquestra de Kieslowski.

  • Um belo filme de uma mulher afogada em suas dores e mágoas retraídas, tentando chegar a superfície de seu mar azul de emoções conturbadas recolhendo os cacos que sobraram de si após sua perda. Se o diretor não quisesse ser tanto, sua obra seria maior.

  • Se desvincular de um trauma como a traição e a morte (ainda que a própria mulher adote postura fria e adúltera), faz da desvinculaçao um ato de liberdade pessoal, q tenta passar por cima da própria hipocrisia. Terno.

  • Pulsante, belo e lindamente imagético.

  • O mais fraco da trilogia das cores.

  • O filme é uma obra prima de relação psicológica com a cor azul e liberdade, porém acaba sendo um pouco monótono em algumas cenas.

  • O desligamento da vida é impossível na visão de Kieslowski, o passado retorna hora ou outra e os vínculos pessoais são eternos e cíclicos. O que não entra na minha cabeça é qual a relação desta filme com a história França e com a revolução francesa?

  • Muito mais do que um estudo de personagem: um estudo do impulso, do sentimento e das suas possibilidades.

  • Mudo de posição após a revisita - é um filme que não necessita de grande roteiro, que flui por sentimentos aflorados, que a trilha sonora inesquecível, engrandece a cada enquadramento. E Binoche ...

Comentários (0)

Faça login para comentar.