Saltar para o conteúdo
5,3
Cineplayers
9 votos
6,5
Usuários
147 votos
?
Sua nota
Direção
James Wan
Roteiro:
Will Beall (roteiro), Geoff Johns (história), Paul Norris (personagens), James Wan (história), Mort Weisinger (personagens)
Gênero:
Ficção Científica, Aventura, Ação
Origem:
Estados Unidos, Austrália
Estreia:
13/12/2018
Duração:
143 minutos

Filmes Relacionados

Arthur Curry descobre ser o herdeiro do reino subaquático de Atlântida e deve aprender a liderar seu povo e se tornar um herói para o mundo.

Elenco

Jason Momoa
Arthur Curry / Aquaman
Amber Heard
Mera
Nicole Kidman
Rainha Atlanna
Willem Dafoe
Nuidis Vulko
Dolph Lundgren
Rei Nereus
Patrick Wilson
Orm / Mestre dos mares
Graham McTavish
Temuera Morrison
Thomas Curry
Michael Beach
Jesse Kane
Ludi Lin
Murk
Yahya Abdul-Mateen II
Manta Negra
Patrick Cox
Cueball
Alice Lanesbury
Professora de Arthur

Lupas

Faça login para dar uma nota e uma lupa.

  • Um baita potencial, mais uma vez, desperdiçado. Dessa vez, não pela falta de um protagonista (personagem e intérprete) sem carisma ou um diretor sem competência, mas por uma narrativa excessiva, com direito a vilão demais. Mas o clímax compensa.

  • Ninguém duvida que James Wan sabe filmar, e o cineasta faz de 'Aquaman' um filme visualmente imaginativo e com boas cenas de ação. Mas é uma pena que parece ter sido escrito por um pré-adolescente, o que deixa tudo ainda mais bobo e infantil do que já é.

  • Nicole Kidman travestida de Ke$ha intergaláctica, Momoa e a abrangência teatral dos peixes que convida à salvar o mundo (resta saber, de fato, qual), nesta que é a versão musical de Eliana e os Golfinhos. Quem o confirma? Um polvo batucando tambor! Ih...

  • Em um universo de filmes já extremamente simplistas e infantilizados, Aquaman consegue se superar ainda mais. Ele abraça o roteiro tolo, cheio de esquematismos e conveniências. Fica no mínimo estranho ver um homenzarrão daqueles proferindo tanta bobagem.

  • É tão limitado e circular dentro da jornada cansada do herói que recusa sua posição que nem o abraço de Wan ao brega e ao kistch daquele universo salvam a experiência do que já lhe era óbvio. Jason Momoa é uma persona impossível de comprar.

  • Dessa leva de filmes de herói da DC, este é surpreendentemente imaginativo e realmente cheio de bons momentos de ação. Começa mal, mas melhora e termina com bastante dignidade, com a engenhosidade técnica de James Wan salvando um temido naufrágio.

Comentários (0)

Faça login para comentar.