Saltar para o conteúdo
6,6
Cineplayers
12 votos
7,6
Usuários
412 votos
?
Sua nota
Direção
Gaspar Noé
Roteiro:
Gaspar Noé
Gênero:
Drama
Origem:
França
Duração:
99 minutos
Prêmios:
55° Festival de Cannes - 2002

Contado de trás para a frente, o filme narra a busca por vingança de Marcus e Pierre, depois que Alex (Monica Bellucci), namorada de Marcus e ex de Pierre, é estuprada violentamente.

Elenco

Vincent Cassel
Marcus
Monica Bellucci
Alex
Albert Dupontel
Pierre
Jo Prestia
Solitária
Mourad Khima
Mourad
Hellal
Layde
Isabelle Giami
Amiga de Alex
Jara-Millo
Concha - Guillermo
Michel Gondoin
Mick
Fatima Adoum
Fatima
Philippe Nahon
Philippe
Stéphane Drouot
Stéphane
Titof
Garoto na cama da festa
Jean-Louis Costes
Cliente do Rectum
Gaspar Noé
Cliente do Rectum
Stéphane Derdérian
Cliente do Rectum

Lupas

Faça login para dar uma nota e uma lupa.

  • Usando de um realismo um tanto extremo e uma câmera inquieta, este filme é uma viagem desconfortável à violência suburbana e às consequências de encarar tal violência. A vida como ela é, tanto nos momentos ruins quanto nos bons.

  • Único.

  • Uma visão perturbadora sobre a violência, o tempo e a nossa vida sob influência dos dois ao mesmo momento. Obra-prima de Noé!

  • Uma jornada dramática,bela,romântica,triste,assustadora e muito perturbadora. Noé revoluciona o cinema francês e realiza sua obra prima.

  • Uma imersão intensa na vida real, expondo o doce e o amargo profundo do ser humano, baseando-se em muitas inversões de valores com cenas opostas e chocantes. Edição inteligente, fotografia estupenda e força inestimável.

  • Um filme que não deixa pedra sobre pedra, cujo aparente happy end é apenas o prenúncio de uma longa e trágica jornada noite adentro.

  • Tirando o fato de causar náuseas gratuitas, o filme é muito bem dirigido e interpretado! As cenas são muito bem feitas e me surpreendem até hj! A mensagem é clara: Vingança não é a melhor escolha!

  • Talvez o filme mais visceral que eu já vi até hoje. Nunca me senti tão incomodado com um filme como este. É o tipo de filme que só dá para assistir uma vez. Muito bom, mas "realista" demais. Neste aspecto de ousadia os europeus destroem os americanos.

  • sem substancia, sem personagem, a estetica perde o ritmo depois da primeira meia hora... podia ser um curta

  • Posso estar muito insensível, mais não fiquei tão chocado com a cena bem feita do estupro, me deixou mais incomodado a cena do extintor, e pela expectativa criada, acabei não achando o filme tão chocante assim, e a história é simplista demais.

Comentários (0)

Faça login para comentar.